Vale Mais Saúde

Acesse o Vale Mais Saúde

idpublicacao: revisita:

Sintomas da hipertensão arterial

Por ser uma doença silenciosa, ou assintomática, é muito provável que as pessoas não notem os sintomas da hipertensão arterial. Por isso, é importante aferir a pressão arterial com periodicidade, especialmente se você integra um dos grupos de risco para o desenvolvimento da hipertensão.

É comum também que as pessoas atribuam os sinais da pressão alta ao cansaço ou estresse, por exemplo. Raramente a hipertensão arterial se manifesta através de enxaqueca1, mas dificilmente a ponto de poder ser percebida.

Alguns outros sinais e sintomas da hipertensão arterial são:1-2

- dores de cabeça crônicas;
- tonturas;
- hemorragia nasal (sangue saindo do nariz sem razão aparente);
- confusão mental ou atordoamento;
- náuseas e enjoos;
- palpitação e falta de ar, mesmo sem esforço físico;
- cansaço sem explicação.

Complicações da hipertensão arterial

Justamente por não ser facilmente notada – já que a doença é geralmente assintomática ou manifesta pouquíssimos sintomas –, a hipertensão arterial sem tratamento vai se agravando ao longo do tempo, trazendo uma série de complicações graves ao quadro de saúde do paciente.

Como a hipertensão arterial danifica os vasos sanguíneos, responsáveis por conduzir a oxigenação do sangue a todos os órgãos, por meio do nosso sistema cardiovascular, diversos órgãos podem ser afetados com a progressão hipertensão arterial.

Entre as consequências da hipertensão arterial não diagnosticada e tratada adequadamente estão:1-3

- infarto agudo do miocárdio, acidente vascular cerebral (AVC) ou derrame: devido ao espessamento das veias (arteriosclerose).
- aneurisma da aorta cardíaca ou cerebral: quando ocorre o rompimento dos vasos sanguíneos, que pode ser fatal;
- insuficiência cardíaca: enfraquecimento ou enrijecimento do músculo cardíaco, que torna-se incapaz de bombear sangue e os nutrientes em quantidade suficiente no corpo;
- insuficiência renal: enfraquecimento ou estreitamento dos vasos sanguíneos dos rins;
- perda da visão: espessamento, estreitamento ou rompimento dos vasos sanguíneos dos olhos, podendo causar até a cegueira;
- síndrome metabólica: conjunto de distúrbios do metabolismo, que abrange aumento da circunferência abdominal, dos triglicérides, da lipoproteína LDL (colesterol ruim ou LDL) e da insulina, e diminuição da lipoproteína HDL (colesterol bom ou HDL) este conjunto de alterações aumentam o risco cardiovascular do indivíduo;
- problemas de memória e compreensão.


Referências

1.Site do National Institutes of Health (NIH).Disponível em http://www.nhlbi.nih.gov/health/health-topics/topics/hbp/signs Último acesso em 19 de julho de 2015.
2.Site Mayoclinic.org. Disponível em: http://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/high-blood-pressure/basics/symptoms/con-20019580.Último acesso em maio de 2015.
3.Site Mayoclinic.org. Disponível em: http://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/high-blood-pressure/basics/complications/con-20019580.