Vale Mais Saúde

Acesse o Vale Mais Saúde

idpublicacao: revisita:

O que fazer e o que não fazer durante as crises de epilepsia

Se você presenciar, alguma vez, uma pessoa tendo uma crise epiléptica, deve seguir alguns procedimentos para ajudá-la:1

- acomode a pessoa deitada no chão;
- vire gentilmente a pessoa de lado, para ajudar na respiração e evitar a aspiração de saliva ou vômito;
- tire de perto qualquer objeto com que ela possa se machucar, inclusive os óculos;
- coloque algo que possa dar sustentação a cabeça dela, como um casaco dobrado;
- afrouxe as roupas, em especial na região do pescoço, que podem dificultar a respiração;
- verifique se existe pulseira, medalha ou outra identificação médica para contato de emergência;
- fique com a pessoa até que a crise epiléptica acabe completamente. Quando isso ocorrer, comunique de forma simples o ocorrido;
- verifique se a pessoa necessita de ajuda para voltar para a casa;
- se a crise se prolongar (durar mais de 5 minutos), chame um serviço de emergência médica.

Saiba também o que NÃO se deve fazer no caso de uma convulsão ou crise epiléptica:1

- nunca segure a pessoa ou tente impedir seus movimentos;
- não coloque nada em sua boca, isso poderá lesionar seus dentes e/ou a mandíbula. Uma pessoa em convulsão não irá engolir a própria língua;
- não tente fazer procedimentos de respiração boca-a-boca;
- não ofereça água ou comida até que ela esteja totalmente consciente.


Referências

1.Site do Center of Disease Control (CDC). Disponível em: http://www.cdc.gov/epilepsy/basics/first-aid.htm. Último acesso em 12 de julho de 2015.

Veja mais em:

Conteúdos Relacionados