Vale Mais Saúde

Acesse o Vale Mais Saúde

idpublicacao: revisita:

Nível de glicose na gravidez

Ao mesmo tempo em que o bebê cresce dentro do ventre, o corpo da mulher também passa por modificações. E para as grávidas com diabetes tipo 2, o nível de glicose também pode alterar. Isso porque, na gravidez, os sintomas de baixa glicemia são difíceis de detectar.1

Verificar como anda os índices de glicose no sangue diariamente é fundamental para cuidar de si e de seu bebê antes, durante e depois da gravidez. Dessa forma, é possível minimizar os riscos de problemas na gravidez, como aborto espontâneo e ajudar a evitar que seu bebê fique muito grande.1

Se você perceber variações frequentes no nível de glicose no sangue, o primeiro passo é conversar com o seu médico para realizar uma revisão no plano de tratamento atual. A American Diabetes Association sugere os seguintes índices para as mulheres com diabetes pré-existente que estejam grávidas:1

- Antes da refeição (pré-prandial) e hora de dormir / noite: 60 a 99 mg / dl1
- Após uma refeição (pós-prandial): 100 a 129 mg / dl*1

* Medidas de glicose pós-prandial devem ser feitas de 1 a 2 horas após o início da refeição, que é geralmente quando acontece os níveis de pico em pessoas com diabetes.1

Vale ressaltar que é indicado verificar a taxa glicêmica nos momentos apontados pelo seu médico. Feito isso, anote os resultados. Também escreva tudo sobre o seu plano de refeição e exercício. E faça alterações em seu plano de refeições e insulina somente com o conselho do profissional da saúde.1


Referência

1. American Diabetes Association. Prenatal Care. Disponível em http://www.diabetes.org/living-with-diabetes/complications/pregnancy/prenatal-care.html. (Acessado em 04/05/2017).

Veja mais em:

Conteúdos Relacionados